segunda-feira, março 19, 2007

Meilá, Meicá

Dura essa vida de ter duas casas, dois armários, dois lugares onde, dizem, você pode se sentir em casa.

Porque, numa casa tenho tudo e mais um monte de gente me chamando sempre.
Na outra, tenho alguma coisa e só uma pessoa que eu desejo que queira estar sempre por perto.

Daí as dificuldades ficam nas segundas e sábados de manhã, quando tenho que apelas para o meu guarda-roupa híbrido... E normalmente abrir mão da elegância.

Mas como é bom usar as camisas dele!

4 comentários:

Rafael Plata disse...

Não é só bom usar as camisas dele como tê-lo ao seu lado!!!
Quer coisa mais gostosa?!?!?!
Queria eu ter duas casas, dois armários, mas vejo que rumo a uma única casa com dois armários!!!
Rsrsrs!!!

Rafael Plata disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fonseca disse...

Que tal seria unir o útil ao agradável?

Rafael Plata disse...

Linda, to postando no blog e arrumei ele, coloquei uma imagens no que tinha escrito, essas coisas. Tô aprendendo a mexer direito agora.
Rsrsrsrs!!!